Autores buscam financiamento coletivo para publicar livro sobre o Juquery

O Capa-Branca reúne as experiências de vida de funcionário que também foi paciente daquela que já foi a maior instituição psiquiátrica da América Latina


O mercado editorial brasileiro está crescendo, mas novos autores ainda encontram dificuldades para publicar suas histórias. Esse é o caso de O Capa-Branca, livro em que o jornalista Daniel Navarro compilou as memórias de Walter Farias, ex-atendente de enfermagem que também foi paciente do Complexo Psiquiátrico do Juquery, em Franco da Rocha (SP). Para viabilizar a obra, eles decidiram recorrer ao crowdfunding, plataforma que permite que pessoas ou empresas financiem projetos através de doações coletivas.

Veja como ajudar a transformar o projeto em realidade em http://ide.la/1cAFe3M

O objetivo dos autores é arrecadar R$ 4.500 até 16 de abril.  Essaquantia vai bancar a execução de serviços editoriais, como revisão, criação de capa e diagramação, além da impressão da primeira edição da obra. “Estamos muito animados. Em apenas 24 horas, o projeto alcançou 10% da meta”, revela Daniel Navarro.

O financiamento oferece recompensas para quem investe no projeto. Ao contribuir, o apoiador terá o nome impresso na página de agradecimentos do livro e receberá em casa exemplares de O Capa-Branca com dedicatória dos autores.

”Algumas editoras já se interessaram em publicar a obra, mas não têm recursos para investir na publicação”, revela Daniel. Segundo o autor, a quantia arrecadada será oferecida às editoras paratambémgarantira distribuição de O Capa-Branca nas principais livrarias do país.

Quem quiser conhecer mais detalhes do projeto e, quem sabe, contribuir é só acessar o site da plataforma idea.me: http://ide.la/1cAFe3M

 

O Capa-Branca

No livro, o jornalista Daniel Navarro reúne as memórias de Walter Farias, ex-atendente de enfermagem. Narrado em primeira pessoa, Walter relata suas experiências de vidano Hospital Psiquiátrico e no Manicômio Judiciário do Juquery, ambos na cidade de Franco da Rocha (SP).

No início dos anos 1970, Walter, com pouco mais de 18 anos, é aprovado no concurso público para o Hospital Psiquiátrico epassou a vestiruma capa branca paracuidar de pacientes acamados ou que perambulavam os corredores das clínicas completamente alheios à realidade.

A vida do protagonista começa a tomar outro rumo depois de sua transferência para o Manicômio Judiciário. Pacientes deram lugar a detentos que haviam praticado crimes. Essa realidade acabou com a sanidade dele e a única solução foi a internação no Hospital Psiquiátrico. O atendente de enfermagem se transforma em um paciente do Juquery e sente na pele os horrores daquele lugar

 

Sobre os autores

Daniel Navarro, jornalista e escritor de O Capa-Branca. Créditos: Paula Korosue

 

Daniel Navarro é jornalista e conheceu o protagonista de O Capa-Branca enquanto assistia a um programa de TV com o tema “Sou esquisito e daí!”. Após entrar em contato com Walter Farias, recebeu os manuscritos que contavam um pouco de suas memórias no Juquery. Fluente em francês, inglês, espanhol e italiano, atualmente estuda russo e trabalhou como professor de idiomas, tradutor, intérprete. Atuou em diversos segmentos de assessoria de imprensa, como fitness, turismo, construção civil, limpeza urbana, marketing digital, gastronomia e mercado editorial.

Confira a entrevista concedida por Daniel Navarro ao portal (EN)Cena: http://bit.ly/1mRilNE

Foto: Acervo Pessoal

 

Walter Farias é ex-funcionário do Juquery e vive até hoje em Franco da Rocha com sua família. Pai de três filhas e um filho e avô de cinco netos, atualmente está aposentado. Já compôs mais de 400 canções, todas registradas. Seu repertório inclui diversos estilos, como samba, sertanejo, MPB, entre outros. Algumas de suas músicas já foram gravadas por cantores de Franco da Rocha, Caieiras e Jundiaí. Também se dedica a inventos. Um deles consiste em um sistema que impede caminhoneiros de dormirem ao volante.

Curta a Fanpage de O Capa-Branca no Facebook: http://on.fb.me/1nwq1BK

Entre em contato com o autor:

Daniel Navarro
danielnavarro@ig.com.br

Hudson Eygo
Psicólogo, Coordenador do Serviço de Psicologia – SEPSI do CEULP/ULBRA, Coordenador da Área de Psicologia do Portal (En)Cena – A Saúde Mental em Movimento, e Colunista do Blog Psicoquê. E-mail: hudsoneygo@gmail.com